segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

ESTÃO VIOLENTANDO OS NOSSOS FILHOS


Todos os noticiários do nosso país estão empenhados na divulgação do caso da jovem de São Paulo, violentada e morta. Felizmente, notícia assim ainda choca muita gente, sinal que ainda não estamos embrutecidos totalmente. Sim, porque a tendência é acreditarmos que casos assim acontecem constantemente e a única coisa que podemos fazer é tomar algumas precauções e rezar para que as vítimas sejam outras e não a gente. Hoje, viver com medo passou a ser uma coisa natural.

Qualquer pessoa da minha idade, ou mais velha do que eu, sabe que nem sempre foi assim. Há trinta anos, ou menos, talvez, dependendo do desenvolvimento da cidade, a gente podia brincar livremente, até tarde da noite nas ruas, com os amigos. É verdade que sempre existiu gente má, gente doida e outras qualidades de seres humanos desequilibrados, mas não na proporção em que estamos vendo hoje.

Compreendo que a população aumentou em todas as metrópoles e até mesmo nas cidades menores. Mas também ampliamos os nossos conhecimentos, somos pessoas mais esclarecidas, temos muito mais recursos tecnológicos que nos permitem mais segurança e acesso a todos os tipos informações. O que nos levou então, de volta para as cavernas. Presas com medo dos monstros lá fora¿

O mundo fugiu totalmente do controle do homem¿ Quando sabemos de alguns países que se estabelecem como democracias, animamos a nossa esperança de que não. Mas quando olhamos para a nossa vida atrás de grades e cadeados, enquanto monstros nos espreitam para atacar, todos os dias, o nosso pensamento é contrário.

O que falta, acredito, são políticas humanas. Econômicas, já temos várias e, sempre prioritárias. Enquanto a riqueza tiver mais valor do que as nossas vidas, continuaremos com o nosso progresso desumano.

Seria necessária uma mudança total de consciência em todo o planeta. Assim como vem ocorrendo com relação ao meio ambiente. O que, nesse caso, passou a ser uma questão urgente de sobrevivência. Em relação a violência humana, sinto que enquanto alguns conseguirem se livrar, impera o lema,”Cada um por si...”

Fecho os olhos e ouço os gritos daquela jovem, implorando pela sua vida. Vejo uma das minhas filhas ali. A única coisa que livra para que não aconteça é a sorte. Estamos entregues a ela. Porque Deus iria me abençoar e me proteger mais do que àquela mãe¿ Nem eu teria a pretensão de que assim o fosse. A dor dela não vale o meu alívio.

Chega! Temos que nos unir. Tomarmos o rumo das nossas vidas. Devemos cobrar daqueles que elegemos não apenas mais segurança, mas, políticas preventivas. Investir na educação, na formação humana. Permitir que as famílias sejam mais assistidas, mais orientadas.
Tentar controlar os que já estão deturpados e aguardar os que estão se criando para isso não é uma saída inteligente. Precisamos parar de fabricar monstros.

As nossas crianças precisam se tornar seres humanos melhores do que os que lhes antecederam. De nada vale que o privilégio de estudar, progredir, viver longe das drogas, seja alcançado por meu filho se ele viver cercado pelos filhos dos outros que não conseguiram e hoje são uma ameaça. O único caminho é o da educação e o da solidariedade.

Alguns descobriram tardiamente que de nada adianta os bem que conseguimos ajuntar quando a vida de um filho é brutalmente violentada. Nós ainda temos o poder da escolha. Queremos uma sociedade mais humana e mais igualitária ou preferimos agarrar as nossas riquezas e tentarmos sobreviver aos outros lá fora¿

Cobrar dos governos é muito importante, mas também podemos fazer a nossa parte. Contribuir com instituições, participar, criar saídas, colaborar com o atendimento às necessidades do outro. Existem muito mais pessoas boas do que bandidos.

Quando você entra em uma escola,de uma periferia bem pobre, por exemplo, você não vê rostinhos de futuros bandidos, você vê seres humanos em potencial, cujo destino depende muito das oportunidades que irá encontrar pela frente e das orientações que irá receber no longo da sua caminhada. O amor é o grande, verdadeiro e único remédio para todos os males da humanidade. Lembrando que o amor não é apenas sentimento mas, e principalmente,  o amor é atitude.

7 comentários:

Néia Lambert disse...

Ivana, o mal do brasileiro é ser acomodado, precisamos sempre que alguém tome a frente, falta-nos espírito de liderança.
Se cada um de nós fizéssemos nossa parte, certamente, o nosso país seria menos violento e haveria mais justiça social.

Beijos

Célia Buarque disse...

Vi essa reportagem e fiquei chocada, aliás fico chocada porque vejo as tristes lembranças voltarem. Eu sempre penso como teria sido encontrar meu filho naquelas condições que a moça foi encontrada e agradeço a Deus pelo milagre que recebemos. Sempre peço a Deus pelos que estão naquelas condições e que, pelo menos, retornem com vida. Porém, a vida depois de algo assim nunca é a mesma. Agora amargo a ausência do meu filho que não quer mais morar aqui. Perfeitamente compreensível mas meu coração anda apertado de saudade. Concordo com você amiga: amor é o caminho, pois amando-nos uns aos outros seremos mais humanos.

Dira disse...

Pessoas como vc, o Brasil está precisando muito. Acredito nessas ousadias como as suas. Temos que começar a expor essas situações, e aos poucos vamos contagiando as pessoas ao nosso redor e até mais distantes. Vc falou algo fundamental, o AMOR realmente é o sentimento mais sublime que todos. Acredito particularmente que, o maior problema dessa nação e de outras tantas, é a falta de Amor das pessoas para com o próximo. Vc só tem oportunidade na vida, na sociedade, qdo vc tem alguma coisa e não pelo que vc é. Quando se tem Amor no coração de verdade, vc é capaz de fazer a diferença e praticar o que é bom.
Por isso concordo com vc,o Amor verdadeiro se revela nas atitudes. Se vc diz que ama e não pratica eese Amor, então ele é falso e não vai contribuir nunca, com a familia, com o seu próximo, com a sociedade e com o mundo.
É um bom texto para refletirmos e tentar fazer mais do que ontem, fazer o melhor. Assim teremos um pouco mais de notícias boas e menos violência no mundo. LUTEMOS POR ESTA CAUSA.Beijos.

Chimarrão disse...

LI ATENTAMENTE O TEXTO. VOCÊ É UMA PESSOA COM GRANDE DISCERNIMENTO DE NOSSA ATUALIDADE. APONTASTE AS CAUSAS, OS EFEITOS E A CURA PARA TODOS ESSES MALES. GOSTO DE TUAS POSTAGENS IVANA, MAS ME DESCULPE, FICO O DIA NESTA MÁQUINA INFERNAL QUE OFERECE TANTAS OPÇÕES QUE ME OBRIGUEI A AUMENTAR MINHA CAPACIDADE E VELOCIDADE DA MAQUINA, ALÉM DO QUE COMPREI UM HD EXTERNO COM 250 GBTS PARA ARMAZENAR TUDO O QUE PRODUZO, QUE N É POUCO. ISSO TUDO FAZ COM QUE ME ENVOLVA E DEIXE DE LEMBRAR, POR VEZES, DE MINHA QUERIDA AMIGA E ESCRITORA EXÍMIA. TE ADMIRO POR COLOCAR O QUE VEM DO SEU INTERIOR INTELECTUAL. ISSO É LINDO. N TENHO TODO ESSE DOM, APESAR DE ME POSICIONAR SOBRE MUITOS TEMAS COM DESENVOLTURA. MAS ACHEI DE MUITA PROFUNDIDADE E FONTE DE UMA REFLEXÃO MUITO GRANDE DE TODA A NAÇÃO ESSAS PREOCUPAÇÕES COLOCADAS, POIS NOSSO MUNDO ESTÁ SE METAMORFOSEANDO MUITO RAPIDAMENTE E COM GRANDE VELOCIDADE PARA O LADO RUIM, ONDE O VALOR NÃO É MAIS O SER HUMANO E SIM O QUE ELE TEM PARA SER SURRUPIADO. O MUNDO DE HOJE JÁ CAUSA MEDO. IMAGINE OS ANOS QUE SE SEGUIRÃO, EM NÃO HAVENDO UMA RECICLAGEM DO SER HUMANO E SEUS VALORES. PARABÉNS IVANA. DESCULPE MEUS ESQUECIMENTOS, MAS N ESQUEÇO DE VOCÊ E LEMBREI SEMANA PASSADA AINDA, PARA UMA OUTRA LEITORA, QUE COMO VOCÊ, TAMBÉM TEM ESSAS PREOCUPAÇÕES. ABRAÇOS QUERIDA AMIGA

CHIMARRÃO
www.blogdochimarrao.blogspot.com

Noticias diárias sobre tudo o que ocorre na mídia mundial.

vovo cibernetica disse...

Ivana a sua postagem é de uma grande importancia para que se pense em como e mundo está . Precisamos de pessoas como vc que sabe dar o gritode socorro por aqueles que estão passando por situações tão tragica como a familia dessa moça .Como vc folou, o que falta no mundo é o amor e esse amor tão falado e tão pouco praticado.Não tem politico que faça nada para que ñ aconteça esses crimes brutais ,e o pior é sabermos que nós o elegemos e eles nada fasem pela população que fica ao Deus dará. Mais uma vez lhe parabeniso pelo lindo texto de tão grande potencial . Sou sua fã de carteirinha . bjs

Darcléa Cardoso disse...

Ivana querida vim lhe agradecer pela visita e também lhe dar os parabéns pelo texto, uma visão crítica e construtiva. Será que posso postá-lo no meu blog? Gosto de textos inteligentes. Um forte abraço.

Ivana Maria disse...

Agradeço a contribuição de todos que estão comentando neste texto. Sinal que têm muita gente com vontade de práticar o amor pelo próximo, não é mesmo? Queria dizer também a Darcléia e a qualquer um que se interessar por algum dos meus textos para divulgá-lo, será uma honra para mim. bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...